NOTICIAS

Governo troca Comando da PM e pede ao TJ para investigar

   23/06/2017
Fonte: Gláucio Nogueira, especial para o GD   

O governador Pedro Taques (PSDB) cobrou providências do presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), desembargador Rui Ramos, acerca de um suposto vazamento de informações sigilosas, em tese cometido por dois oficiais da Polícia Militar. O episódio resultou na troca do comando da corporação, uma vez que os militares implicados na história são o corregedor-geral e o diretor de Inteligência da PM.

Conforme o documento, obtido com exclusividade junto a fontes ligadas ao Poder Judiciário, Taques informa ao presidente do TJ que nesta sexta-feira (23), por volta das 8h45, três secretários de Estado, Evandro Alexandre Ferraz Lesco, da Casa Militar, José Adolpho de Lima Avelino Vieira, da Casa Civil, e Airton Benedito Siqueira Júnior, de Justiça e Direitos Humanos, foram abordados, no gabinete da Casa Militar pelo coronel Alexandre Corrêa Mendes e pelo tenente-coronel Victor Paulo Fortes Pereira, respectivamente corregedor-geral e diretor da PM.

Os dois, conforme o relato do governador, teriam dito aos secretários para “se prepararem”, pois foram chamados pelo coronel Jorge Catarino de Moraes, encarregado do Inquérito que apura a prática de interceptações telefônicas clandestinas, para uma operação, com mandados de busca e apreensão e de prisão, cujos alvos seriam a Casa Militar e servidores da pasta. A deflagração da operação, dependeria de uma liberação da Justiça.

Após a saída dos militares, os três secretários estiveram com Taques e relataram o fato. “Por não compactuar com vazamentos de informações sigilosas, quebra de segredo de justiça e cometimento de crimes, pois, no mínimo, e, em tese, o corregedor e o oficial cometeram os delitos de quebra de sigilo de informações”, afirmou o governador no documento.

O vazamento de tais informações resultou na troca do comando da PM, atualmente ocupado pelo coronel Jorge Luiz de Magalhães.

Abaixo nota do Governo confirmando a troca

Governador anuncia a troca do comandante da PM

O governador Pedro Taques e o secretário de Estado de Segurança Pública, Rogers Jarbas, anunciaram nesta sexta-feira (23.06) a substituição do comandante-geral da Polícia Militar de Mato Grosso. O coronel Marcos Vieira da Cunha vai assumir o Comando Geral da PM no lugar do coronel Jorge Luiz de Magalhães. A troca será oficializada na segunda-feira (26.06), em solenidade no Comando Geral da Polícia Militar, em Cuiabá.

Coronel Cunha tem 44 anos, dos quais 25 foram dedicados à Polícia Militar. Ele ingressou na instituição como soldado e fez carreira até chegar ao posto de coronel, em setembro de 2016. Durante 19 anos, coronel Marcos Vieira da Cunha atuou no interior do Estado.

O governador Pedro Taques e o secretário Rogers Jarbas agradeceram o trabalho desenvolvido pelo coronel Jorge Magalhães, que já foi comunicado pessoalmente da mudança, no período em que atuou à frente da instituição no Estado.

Comentários
Noticias Relacionadas
Publicidade
Facebook
Parceiros
Marli aparecida Dos Santos

meu nome é Marli Aparecida dos Santos moro em Ivinhema mato grosso do sul e estou a procura do meu irmão José Rogério dos santos que não temos noticias desde 2007.Por favor se alguém souber ou tiver alguma noticia favor entrar em contato pelo telefone (067) 9671-3411 Marli ou (67)9989-2917 Edvando. Muito obrigada