NOTICIAS

Janaina questiona estado sobre não cumprimento de lei que repassa 10% de Fundo de Pobreza às Apaes

   28/04/2016
Fonte: Assessoria   

"Em meu nome mesmo, eu gostaria de pedir desculpa por ter um governo tão insensível com uma causa tão importante. Que não teve a mínima decência de vir aqui dar uma explicação sequer à vocês que vieram de longe com crianças com dificuldade de locomoção. O que está sendo feito com esse Fundo de Erradicação de  Pobreza se não for pra ajudar os mais pobres e necessitados desse estado?  Não entra na minha cabeça como um governo que se diz tão legalista não consegue cumprir uma lei feita por esta Casa? Não compreendo como é tão difícil assim fazer funcionar uma lei que tem todas as condições de ser cumprida".

A fala acima foi feita pela deputada estadual Janaina Riva (PMDB) na tarde desta terça-feira durante audiência pública convocada pelo deputado estadual Zeca Viana (PDT)  cujo intuito era debater o não cumprimento da Lei que garante o repasse de 10% do Fundo de Erradicação à Pobreza para às instituições que atendem pessoas com deficiência, como a APAEs e Pestalozzis. Na oportunidade o governo do estado do Estado não enviou nenhum representante para debater nem explicar para as instituições sobre o porque não vem cumprindo o que determina a lei e fazendo os repasses às entidades.

"Não adianta fazermos um debate do falta que nas Apaes e Pestalozzis, porque todos nós já sabemos dessas dificuldades uma vez que recebemos diariamente em nossos gabinetes pedidos de ajuda para comprar tijolo, piso, telha e até cadeira pros alunos sentarem. Fora os pedidos de exame. A esperança era que houvesse ao menos um representante do governo hoje aqui para nos dizer o porque esses repasses não vêm sendo cumpridos. Eu me sinto envergonhada como deputada estadual de não ter sequer um representante do governo para defender uma matéria tão importante quanto essa que não se trata só da manutenção das Apaes em si, é o sustento, a existência delas. Nós estamos falando de várias unidades que estão sendo fechadas,desestímulo dos profissionais, dos próprios alunos. Não tem veículo para buscá-los", explicou.

A deputada requereu que ao menos o líder do governo, deputado Wilson Santos (PSDB) se fizesse presente na audiência para debater e levar as demandas ao governador. "O deputado Wilson Santos gosta tanto de fazer defesas na tribuna quando falamos de assuntos tão menos importantes que esse. Hoje aqui estamos tratando de vidas, de pessoas. Não estamos falando de obras, de VLT. Aliás, se estivéssemos falando de VLT estava o governo inteiro aqui. Nós estamos falando de salvar vidas agora senhores e eu esperava que isso importasse mais que obras. Eu sou mãe e olho pra uma dessas crianças e imagino se fosse um filho meu. Será que o governo  não tem essa sensibilidade de olhar para os filhos de Mato Grosso e sentir que eles são responsáveis agora por essas crianças? Será que vamos passar quatro anos de governo ouvindo lamentação?", finalizou.

 

Assessoria de Imprensa
Jornalista Laura Petraglia - (65) 8151-5564
Jardel Silva - (65) 3313-6802
Acesse: www.janainarivamt.com.br
Facebook: www.facebook.com/JanainaRivaMT
Instagram: www.instagram.com/JanainaRiva / @JanainaRiva
Soundcloud: www.soundcloud.com/JanainaRivaMT

Comentários
Noticias Relacionadas
Publicidade
Facebook
Parceiros
Marli aparecida Dos Santos

meu nome é Marli Aparecida dos Santos moro em Ivinhema mato grosso do sul e estou a procura do meu irmão José Rogério dos santos que não temos noticias desde 2007.Por favor se alguém souber ou tiver alguma noticia favor entrar em contato pelo telefone (067) 9671-3411 Marli ou (67)9989-2917 Edvando. Muito obrigada