NOTICIAS

Polícia recaptura sete de 28 fugitivos de cadeia em cidade de Mato Grosso

   05/02/2015
Fonte: Do G1 MT   

Balanço foi divulgado no final da tarde desta quinta pelo sistema prisional.
Detentos deixaram Cadeia Pública de Nova Mutum pela porta da frente.

A Polícia Militar (PM) conseguiu localizar e recapturar até o final da tarde desta quinta-feira (5) sete dos 28 detentos que fugiram durante a madrugada da Cadeia Pública de Nova Mutum (cidade a 269 km de Cuiabá). O balanço foi divulgado pela Secretaria de estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), responsável por gerir o sistema prisional de Mato Grosso.

De acordo com o órgão, os fugitivos respondem a crimes como homicídio, formação de quadrilha, roubo, assalto à mão armada, extorsão e tráfico de drogas, entre outros.

As buscas da PM tiveram início ainda durante a manhã e contam também com o apoio de helicópteros vasculhando a área de Nova Mutum e entorno.

Na mesma nota em que informou o número de recapturados, a Sejudh esclareceu que, até o momento, não houve registro de qualquer ocorrência de crime envolvendo os fugitivos da Cadeia Pública de Nova Mutum. A nota serviu para desmentir boatos que estavam sendo veiculados via redes sociais.

Por conta da fuga em Nova Mutum, a Sejudh também reforçou a segurança em todas as unidades do sistema prisional do estado.

Enquanto isso, a Polícia Civil já está desenvolvendo a investigação sobre o caso e confirmou que a fuga foi proporcionada por duas mulheres que conseguiram dopar dois agentes prisionais da Cadeia Pública de Nova Mutum durante a madrugada.

Elas teriam ido até a unidade com bebidas alcoólicas e, depois que os agentes foram dopados, aproveitaram-se da situação para abrir a grade de acesso às celas, facilitando a fuga pela porta da frente da unidade.

Toda a ação já teria sido planejada com um detento namorado de uma das mulheres que foram até a unidade.

Devido às investigações, o diretor da cadeia foi preso e afastado do cargo, bem como os dois servidores que foram dopados durante a madrugada. Eles devem responder cível e criminalmente pela facilitação à fuga dos detentos, além de ficarem sujeitos a procedimentos administrativos dentro da Sejudh.

Comentários
Noticias Relacionadas
Publicidade
Facebook
Parceiros
Marli aparecida Dos Santos

meu nome é Marli Aparecida dos Santos moro em Ivinhema mato grosso do sul e estou a procura do meu irmão José Rogério dos santos que não temos noticias desde 2007.Por favor se alguém souber ou tiver alguma noticia favor entrar em contato pelo telefone (067) 9671-3411 Marli ou (67)9989-2917 Edvando. Muito obrigada